Operação Tejo 2018

08 Agosto 2018
Em Vila Velha de Ródão, foi sinalizada uma camada de sedimentos, com elevada carga orgânica, que cobre o fundo em ambos os lados das Portas de Ródão, no coração do sítio Natura 2000 e do parque natural da UNESCO.
A dragagem começou a remover o lodo e a tecnologia de tratamento e desidratação Geotube foi a opção escolhida. Apesar de aplicado em muitas outros projetos de tratamento a nível nacional, no âmbito da remediação ambiental, este é um projeto pioneiro na utilização da tecnologia Geotube em Portugal.
Os sedimentos foram recolhidos por uma draga de sucção que foi operada por uma equipa portuguesa de mergulhadores experientes. Esta é a maneira mais precisa de garantir que apenas o sedimento seja removido e que a areia e a rocha permaneçam in-situ. As lamas foram bombeadas ao longo de 1,2 km de tubagem até a uma plataforma onde a maior quantidade de água possível foi separada dos sedimentos contaminados e devolida ao meio hídrico.
Este processo ocorreu numa plataforma temporária construída para o efeito com materiais geosintéticos específicos fornecidos pela TenCate Geosynthetics, líder mundial nesta área.
A função essencial da plataforma é a desidratação que ocorre em sacos gigantes permeáveis, capazes de receber grandes quantidades de lama. Ao material dragado é adicionado um coagulante que consiste num polímero ambientalmente seguro, previamente preparado numa unidade dedicada e construída para o efeito. Esta unidade atua de forma a reagir dinamicamente em relação, quer à concentração, quer à quantidade de polímero adicionado, em função do débito da draga e do seu conteúdo em sólidos suspensos. Esta unidade foi contruída e operada pela Ambitrevo, Lda. e pela Geosin International, Lda, e reage em tempo real às oscilações verificadas. O coagulante irá, assim, agregar os sólidos suspensos em partículas com dimensão superior, fenómeno que irá permitir filtrar os mesmos. A mistura de material dragado e coagulante é depois encaminhada para um floculador, o que permite aumentar o tempo de residência da referida mistura antes de ser encaminhada para o geotube. 
Assim que o lodo entra nos “sacos”, a configuração do têxtil especial do filtro retém as partículas, enquanto a água limpa é drenada e devolvida ao rio.
Em Portugal, este tipo de operação é pioneira, mas a tecnologia tem liderado as opções a nível mundial. A consciência da necessidade de um ambiente limpo ainda está a crescer na Europa. A tecnologia de desidratação TenCate Geotube® tem sido usada em várias indústrias e projetos de remediação em todo o mundo.
Utilizamos cookies próprios e de terceiros para lhe oferecer uma melhor experiência e serviço.
Para saber que cookies usamos e como os desativar, leia a política de cookies. Ao ignorar ou fechar esta mensagem, e exceto se tiver desativado as cookies, está a concordar com o seu uso neste dispositivo.